Concurso Mister Negro é atração do dia 13 de maio em Araxá

14-05-2019 11:40

Prefeitura promoveu o evento, que reuniu famílias e amigos dos candidatos, uma noite de valorização da beleza e da cultura afro-brasileira.

O Teatro Municipal de Araxá foi palco do 1º Concurso Mister Negro, promovido pela Prefeitura, através da Fundação Cultural Calmon Barreto (FCCB) e Centro de Referência da Cultura Negra, nesta segunda-feira, 13 de maio. Oito candidatos disputaram os títulos de Mister Negro e Garoto Internet. O evento foi prestigiado pela Secretária de Governo Lucimary Ávila, que representou o Prefeito Aracely de Paula; pelo Secretário de Ação e Promoção Social, Moisés Cunha; pelo Superintendente de Fazenda, Leovander Ávila; pela supervisora de Museus e Bens Culturais, Maria Angélica Torres Gotelip Barbosa; pelo vereador Adolfo Maurício que representou o Poder Legislativo, familiares e apoiadores do concurso.

Junto com o desfile, os organizadores promoveram apresentações de dança (Maculelê), de capoeira, da bateria da escola de Samba Unidos do Morro e desfile de modelos. Os candidatos esbanjaram simpatia ao desfilarem com trajes esportivo/casual, de banho e social, sendo avaliados por onze jurados.  O título de Mister Negro foi para Lucas Matheus; o 2º lugar ficou com o William Silva e o vencedor pela categoria Garoto Internet foi Wellintom dos Santos.

A secretária, Lucimary Ávila agradeceu a presença de todos e destacou a importância do concurso. “Quero parabenizar os organizadores e os candidatos. Esse é um evento cultural muito importante, engrandece a nossa cidade e enriquece a nossa administração”.

A presidente da FCCB, Régia Côrtes, reforçou que a Prefeitura Municipal de Araxá apoia e valoriza os eventos culturais da cidade. Informou que o concurso enaltece a beleza e a cultura negra masculina, trabalha a autoestima, valoriza a estética afro-brasileira, criando oportunidades social e profissional para os envolvidos. “Agradeço o empenho de todos os monitores do Centro de Referência da Cultura Negra que não mediram esforços para a organização e realização do evento, agradeço aos componentes da comissão julgadora, aos colaboradores e parceiros”.

A diretora de eventos do Centro de Referência da Cultura Negra, Marlene Apolinário, Marlene Apolinário, ressaltou que aproveitaram o dia 13 de maio para lembrar os 131 anos da Abolição da Escravatura. “Nada melhor do que promover uma festa para valorizar a cultura e a beleza, ações que reforçam a importância da raça negra na construção do país. É um empoderamento dos negros de Araxá, a avaliação é excelente, foi além das nossas expectativas, foi muito bom”.

O supervisor do Centro de Referência da Cultura Negra, José Ronan dos Santos, lembrou que os monitores organizaram o concurso Miss Beleza Negra, em 20 de novembro e agora no 13 de maio, o Mister Negro, já pensam na segunda edição dos dois eventos, é um grande incentivo para as festividades nestas datas comemorativas. “O negro está na luta, temos miss mundo, miss universo, é uma forma de promover o movimento cultural. Vendo a euforia dos candidatos, a torcida das famílias e dos amigos, a gente fica muito realizado, a avaliação é positiva”.


Galeria de Imagens

Navegação Rápida