09-07-2018 10:32

Promuab abastecerá as escolas municipais de Araxá

Prefeitura abriu licitação para contratar a empresa que vai fornecer as mudas de verduras e legumes para o Programa.

As escolas e creches da rede municipal de Araxá vão receber verduras e legumes do Programa Municipal de Abastecimento - Promuab. Na fazenda que pertence à prefeitura, serão plantados verduras e legumes para atender as unidades de ensino. Estão produzindo couve, acelga, repolho, beterraba, alface crespa e americana, para atender as necessidades da merenda escolar. A Administração Municipal abriu licitação e espera contratar ainda este mês, a empresa que fornecerá as mudas de verduras e legumes para o Programa.

O técnico em agropecuária da Secretaria de Agricultura e responsável pelo Promuab, Daniel das Neves Dumont, explica que estão há quase um ano tratando e preparando a terra, para receber o plantio. Implantaram a irrigação agora. A prefeitura comprou o material e eles montaram toda a estrutura, o que facilitará demais a produção. A horta está bem organizada e limpa, já plantaram cem pés de chuchu que vão produzir cem caixas por semana, vão plantar salsinha e cebolinha, muito usadas nas escolas, querem produzir também um pouco de brócolis e couve flor. “O Promuab vai abastecer as escolas e creches, com verduras dentro do que é possível plantar na fazenda. Não conseguimos produzir todas as variedades, mas plantamos uma quantidade que atenda boa parte da necessidade da Secretaria de Educação.”

A fazenda que já foi utilizada pela Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais - Epamig, fica na região do Córrego Feio. Destinaram um alqueire de terra para a horta e plantaram em menos de 1 hectare, até agora. Seis pessoas trabalham diretamente no plantio. Estão recebendo adubo enviado pelo frigorífico, contam com uma estufa de produção de minhocas que transforma o esterco em húmus. Assim onde gastariam três caminhões de esterco, consomem um caminhão de húmus e o produto faz mais efeito para a planta, aumenta o volume, com melhor qualidade. “Estamos produzindo pouco, ainda de forma bem acanhada, dentro do possível, até concluir a licitação. A terra está adubada, preparada, organizada. Temos tudo prontinho só aguardando a chegada das mudas para plantar”, reforça.

Três empresas participam da licitação, duas de Araxá e uma de Uberlândia. A previsão é de as propostas serem abertas no dia 13 de julho. Finalizado o processo, vão comprar de 10 a 12 bandejas de mudas variadas por semana. Cada bandeja é composta por 200 mudas e concluída a licitação poderão planejar o plantio com tranquilidade. Mesmo com a produção tímida, já fornecem verduras para a Secretaria de Educação. Colhem de 10 a 15 caixas de couve por semana para abastecer as escolas municipais. “A expectativa é atender cem por cento as escolas com as hortaliças que vamos produzir. Mas a prefeitura continuará comprando dos produtores da cidade. As escolas oferecem uma merenda variada e não temos como produzir todos os tipos de verduras e legumes que são consumidos”, informa.

Três empresas participam da licitação, duas de Araxá e uma de Uberlândia. A previsão é de as propostas serem abertas no dia 13 de julho. Finalizado o processo, vão comprar de 10 a 12 bandejas de mudas variadas por semana. Cada bandeja é composta por 200 mudas e concluída a licitação poderão planejar o plantio com tranquilidade. Mesmo com a produção tímida, já fornecem verduras para a Secretaria de Educação. Colhem de 10 a 15 caixas de couve por semana para abastecer as escolas municipais. “A expectativa é atender cem por cento as escolas com as hortaliças que vamos produzir. Mas a prefeitura continuará comprando dos produtores da cidade. As escolas oferecem uma merenda variada e não temos como produzir todos os tipos de verduras e legumes que são consumidos”, informa.

Daniel lembra que o Promuab já existiu há alguns anos, implantado pelo prefeito Aracely de Paula. Funcionava onde hoje é a hípica, abastecia toda a cidade, escolas, creches, casas de sopa, asilo e hospitais. Na época tinham poucos produtores na cidade, produzia de tudo, era a maior hortaliça de Araxá. Ele afirma que Programa também vai gerar economia para o município. Verdura custa caro, o preço oscila, uma hora o valor está lá embaixo, outra hora está lá em cima. “A ideia é manter a alimentação escolar com qualidade e menor custo. O Promuab vai fornecer aos alunos da rede municipal uma verdura sem agrotóxicos, nem contaminantes. Trabalhamos com produto orgânico,  os alunos vão consumir verduras com garantia, sem prejuízo para a saúde deles”, destaca.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Rural, Alexandre Carneiro, o Promuab é tudo, é um Programa muito importante, com produção voltada para as escolas, entidades e funcionários da prefeitura. “Quando a produção for normalizada e o fornecimento de mudas estiver frequente, vamos agraciar os servidores. O prefeito Aracely pretende doar kits para os funcionários como era feito antigamente”, finaliza.

 

Galeria de imagens - 1 até 7 de 7


Ingressos Centro Esportivo Álvaro Maneira
Contribuinte
Nota Fiscal
Portal da Transparência
Parceria com o Terceiro Setor
Rotas
Webmail
PPA-LDO-LOA
Turista
Licitações
Ouvidoria
Diário Oficial
Contra Cheque
Junta Militar
Banco de Dados
Concursos
Processo seletivo educação
IPTU
Editais
Tarifas Aeroportuárias
Processo seletivo saúde
Processo Eleitoral Conselho Saúde
Junta Admin. de Recursos de Infração
Bens Tombados e Fundação Cultural Calmon Barreto
ASTTRAN - Autuações e Penalidades