18-04-2018 00:00

Mais de 10 mil m² de vias públicas já receberam nova sinalização de trânsito

Serviço é realizado para o controle, advertência, orientação ou informação do usuário, sendo de competência exclusiva do Departamento de Engenharia de Tráfego do município.

Preocupada com a segurança de motoristas e pedestres, a Prefeitura de Araxá intensifica a implantação de sinalização de trânsito em várias regiões da cidade. Um total de 10.700 m² de vias públicas já recebeu nova sinalização horizontal, o que representa 2/3 do serviço concluído. O serviço é realizado para o controle, advertência, orientação ou informação do usuário, sendo de competência exclusiva do Departamento de Engenharia de Tráfego do município.

O secretário de Segurança Urbana e Cidadania, Élvio Bertoni, informa que a sinalização de trânsito já foi realizada nos bairros Mangabeiras, Belvedere, Dona Adélia, Padre Alaor, Vila Estância, Pão de Açúcar I. “Também já concluímos o serviço em algumas regiões do Centro, como por exemplo, entre a rua Luiz Colombo e a Praça Dona Maroca; rua Consolação até av. Vereador João Sena. Estamos em andamento com o serviço nos bairros Pão de Açúcar III e IV e, posteriormente, iremos para o bairro São Pedro”, afirma.

Também foram revitalizadas a sinalização de trânsito na av. Aracely de Paula, região da Igreja Matriz, av. Imbiara e av. Ministro Olavo Drummond. “Os redutores de velocidade, conhecidos como ‘quebra-molas’, também estão sendo pintados. Todo esse trabalho é muito importante, pois representa mais segurança no trânsito. A nossa cidade está se tornando referência quando o assunto é sinalização de trânsito de qualidade. Nos congressos e encontros sobre este tema, Araxá tem sido citada como exemplo a ser seguido”, revela o secretário.

Um total de 16 mil m² de vias a serem sinalizadas foram licitadas, restando apenas 5.300 m². “Vamos concluir essa primeira etapa do trabalho ainda no primeiro semestre deste ano. Mas, essa dinâmica não para. Temos que estar preparados para sinalizar as vias que vierem a receber o projeto de recapeamento, assim como a revitalização dos pontos onde a sinalização estiver desgastada. Portanto, é um trabalho que não se esgota, estamos sempre atentos e no segundo semestre daremos sequência ao projeto”, garante Bertoni.

Irregularidade

De acordo com a fiscalização da Assessoria de Trânsito e Transporte (Asttran ), alguns cidadãos têm realizado sinalizações em vias públicas por conta própria. Bertoni lembra que esse procedimento é considerado infração administrativa e penal. A elaboração e execução de sinalização de trânsito horizontal ou vertical compete, exclusivamente, ao serviço de engenharia de tráfego vinculado a Secretaria de Segurança Urbana e Cidadania.

“Podemos citar como exemplo, as ruas Capitão José Porfírio e Ipiao que foram recapeadas e receberam novas sinalizações recentemente. Estas vias tiveram suas sinalizações adulteradas ilegalmente, provocando confusão no trânsito e prejuízo ao erário público. Na rua Augusto Luis Coelho um morador chegou a instalar, na porta da casa, uma placa de proibido parar e estacionar”, revela o secretário.

Galeria de imagens - 1 até 4 de 4


Ingressos Centro Esportivo Álvaro Maneira
Contribuinte
Nota Fiscal
Portal da Transparência
Parceria com o Terceiro Setor
Rotas
Webmail
PPA-LDO-LOA
Turista
Licitações
Ouvidoria
Diário Oficial
Contra Cheque
Junta Militar
Banco de Dados
Concursos
Processo seletivo educação
IPTU
Editais
Tarifas Aeroportuárias
Processo seletivo saúde
Processo Eleitoral Conselho Saúde
Junta Admin. de Recursos de Infração
Bens Tombados e Fundação Cultural Calmon Barreto
ASTTRAN - Autuações e Penalidades