11-04-2018 11:40

Educação faz análise positiva e planejamento após investimentos de mais de R$76 milhões

Com investimentos de R$ 76.666.704,09 durante 2017, a Educação Municipal em Araxá desponta como um dos destaques da gestão Aracely de Paula. A aplicação equivale a 30,14% da arrecadação do ano passado, índice acima dos 25% exigido pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). “Considero excelente tudo o que conseguimos realizar em 2017 na Educação”, analisou a secretária da pasta, Gessy Glória. O resultado positivo estimula mais projetos, parcerias e empreendimentos para este ano.

Entre as principais ações de 2017 estão: o início das obras de revitalização da Escola Estadual Dom José Gaspar; inauguração da Escola Municipal Professora Romália Porfírio de Azevedo, no bairro Max Neumann; a construção de sede própria da Escola Municipal Alice Moura, os resultados satisfatórios da implantação do xadrez como conteúdo disciplinar do ensino fundamental; o início da Escola de Esportes Especializados nos Ginásios Municipais com estudantes entre 7 e 16 anos; várias parcerias feitas através do Núcleo de Incentivo à Leitura; a participação dos professores do ensino fundamental no Pacto pela Educação, do Ministério da Educação; curso de Educação Empreendedora para as professoras, em parceria com o Sebrae; entre outros.

“Tivemos muito sucesso com os projetos realizados em 2017, pois isso fez com que houvesse uma melhoria no resultado das nossas avaliações externas que medem o nível em que os alunos se encontram. Acreditamos que quando selecionamos projetos voltados para a área social e, também, para a pedagógica, os resultados são bons. Como exemplos tivemos o xadrez, projetos ambientais de trabalho com a água, Cientista do Cerrado, Sanitarista Mirim e outros”, afirma a secretária.

A estrutura disponibilizada pelo município tem 20 Centros Municipais de Educação Infantil (CEMEIs), três Escolas Municipais de Educação Infantil (EMEIs) e 16 escolas   de ensino fundamental, distribuídas na área urbana e no setor rual. Balanço realizado na primeira semana de abril aponta que são atendidos 9.760 (quantidade) de alunos na educação infantil, ensino fundamental, Projeto Alinhamento Pedagógico (anos finais) e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

“Muitos investimentos foram feitos, inclusive com construções e ampliações de salas e número de alunos. Procuramos atender o máximo de alunos, principalmente de 0 a 3 anos. Em relação à educação infantil, 1º e 2º período, estamos trabalhando para atender a demanda de todos que aparecem. Quanto ao Ensino fundamental, 1 e 2, também não temos problema de vagas. Foi feito um plano de atendimento, com atualização de cadastro e orientamos os pais a procurarem a escola mais próxima da sua residência”, acrescenta a secretária.

O cronograma de projetos previstos para 2018 apresenta como novidade a participação de professores da educação infantil no Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (PNAIC). Estamos mantendo os projetos e as parcerias que apontaram resultado positivo no ano passado, como a educação ambiental, xadrez, informática, leitura e esportes especializados, Copa Internacional de Mountain Bike, Fliaraxá, Proerd, Bombeiros Mirins, Jornada da Educação, entre outros, informou a secretária Gessy.

Galeria de imagens - 1 até 4 de 4


Contribuinte
Nota Fiscal
Portal da Transparência
Parceria com o Terceiro Setor
Rotas
Webmail
PPA-LDO-LOA
Turista
Licitações
Ouvidoria
Diário Oficial
Contra Cheque
Junta Militar
Banco de Dados
Concursos
Processo seletivo educação
IPTU
Editais
Tarifas Aeroportuárias
Processo seletivo saúde
ASTTRAN - Autuações e Penalidades